Moçambique registou, nas últimas 24 horas, mais 62 casos positivos de Covid-19, elevando o total para 1.219 infecções pelo novo coronavírus , anunciou na segunda-feira (13 de Julho) o Director Nacional de Saúde Pública.

Os 62 doentes recentemente diagnosticados, cinco dos quais são crianças menores de 5 anos, encontram-se nas províncias de Maputo (24), Cidade de Maputo (21), Cabo Delgado (12), Zambézia (01) e Gaza (04).

O país testou 913 amostras nas últimas 24 horas. Destas, 651 foram testadas em laboratórios do sector público e 262 em laboratórios do sector privado.

Das 651 amostras testadas em laboratórios do sector público, 36 vieram da Província do Niassa, 43 da Província de Cabo Delgado, 22 da Zambézia, 10 de Tete, 93 de Sofala, cinco de Inhambane, 77 de Gaza, 185 da Província de Maputo e 180 da Cidade de Maputo.

Das 262 amostras testadas em laboratórios do sector privado, 162 provêm da Província de Cabo Delgado e 100 da Cidade de Maputo.

Os novos casos relatados hoje incluem 60 indivíduos de nacionalidade moçambicana e dois indivíduos estrangeiros (um é nacional ruandês e o outro sul-africano).

Todos os casos recentemente diagnosticados estão “isolados em casa e o processo de mapeamento dos seus contactos está em curso”, disse Rosa Marlene.

Do total dos casos registados no país, 1.119 são transmitidos localmente e 100 são importados.

“Queremos informar que registámos mais cinco (05) casos totalmente recuperados da COVID-19; três (03) na província de Niassa, um (01) na província de Cabo Delgado, um (01) na província de Nampula. Estes são indivíduos de nacionalidade moçambicana que viveram isolados durante o período da doença”, disse Rosa Marlene, Directora de Saúde Pública.

Moçambique tem um total de 27 indivíduos hospitalizados devido à COVID-19. Destes, cinco permanecem nos cuidados hospitalares. Eles sofrem de várias patologias crónicas, associadas à COVID-19.

Assim, Moçambique tem actualmente 369 pacientes totalmente recuperados, nove mortes devidas à COVID-19 e duas mortes devidas a outras causas.

A maioria dos casos activos registados foram detectados nas províncias de Nampula (246) e Cabo Delgado (205), Cidade de Maputo (127) e província de Maputo (118) a seguir.

Um total de 40.861 pessoas foram testadas para o Covid-19 desde que foi relatado o primeiro caso, a 22 de Março.

Entretanto, 22.329 pessoas, de entre mais de um milhão de examinadas, foram colocadas sob quarentena domiciliária.

Um total de 2.415 pessoas continuam a ser monitorizado pelas autoridades sanitárias